Omnichannel

Omnichannel no Brasil

18 de Maio de 2017- Por Cassiel Isla - Redatoromni brasil

Se você ainda não sabe o que é Omnichannel, clique aqui antes de continuar.

Omnichannel no Brasil: ele de fato existe?

Caminhando a passos lentos no Brasil, o Omnichannel - uma das maiores tendências no mundo do Marketing - tem sido um desafio para todas as empresas. O que podemos ver até o momento são iniciativas por parte de algumas marcas, que tentam mudar a cultura na busca pela integração entre todos os canais de venda.

Consumidores brasileiros

E para mostrar que essa jornada é válida, uma recente pesquisa sobre “Hábitos de Compra e Mobile”, no relatório Webshoppers feito pela e-bit, revelou que os brasileiros estão usando cada vez mais smartphones dentro das lojas físicas para comparar preços, pesquisar informações ou até mesmo comprar o produto. Isto revela que os consumidores já estão se relacionando com as marcas em diversos canais, de forma simultânea.

Hábitos dos consumidores com dispositivos móveis

40% - Tirar foto dos produtos;
38% - Comparar preços;
34% - Buscar informações sobre o produto;
27% - Utilizar o celular para outras finalidades;
24% - Comparar produtos;
21% - Geolocalização - Mapas, GPS, endereços;
16% - Informações sobre as lojas;
9% - Comprar o produto.

Vale considerar também que 72% dos entrevistados possuem pelo menos um dispositivo móvel e utilizam o mesmo várias vezes durante o dia. Isso já mostra que o mobile é a principal ponte entre o mundo físico e online. Por isso, ter um site responsivo que integre informações entre o e-commerce e as lojas físicas é fundamental.

Soluções das marcas brasileiras

Com isso, percebemos que os clientes já aderiram ao Omnichannel, mesmo sem saber o que ele significa. O grande desafio por parte das marcas é acompanhar esse ritmo que tem se acelerado cada vez mais. Exemplo disso são os supermercados e hipermercados, segmentos que estão mais propensos a investirem em plataformas digitais como forma de aumentar a experiência entre vários canais com o cliente. Segundo uma pesquisa feita com empresas varejistas, 84% das companhias desse segmento estão buscando intensificar suas estratégias Omnichannel focando em lojas virtuais, seguido por setores de moda (62%) e franquias (61%).

Algumas marcas de varejo, como no caso da loja de artigos esportivos Centauro, já possui uma política em que o cliente compra o produto online, e caso ele queira, troca diretamente em uma das lojas físicas. Um outro exemplo, são empresas como Magazine Luiza, Casas Bahia e C&A, que permitem ao cliente realizar a compra de forma online e fazer a retirada direto na loja.

Entretanto, apesar das iniciativas, ainda há muito o que melhorar. Muitas empresas ainda confundem a utilização de apenas alguns canais com Omnichannel e acreditam que ao criar perfis nas redes sociais, já é o suficiente para entrar nesse universo. Além disso, há também a rivalidade que foi criada, onde varejos encaram a loja virtual como uma concorrente, o que impede o desenvolvimento e integração destes canais.

Outros aspectos como: diversidade de produtos nas lojas, treinamento de equipes de MKT e vendedores, além de integração entre estoque do e-commerce e das lojas físicas (saiba mais dicas clicando aqui), serão fundamentais durante toda a jornada para levar o Omnichannel ao seu negócio.

Para conferir os demais artigos sobre Omnichannel, clique aqui.

Fontes:

http://docplayer.com.br/12975326-Webshoppers-32a-edicao-1o-semestre-2015.html

https://www.ecommercebrasil.com.br/noticias/pesquisa-revela-as-estrategia-do-varejo-em-multicanalidade/


O que achou dessa postagem?

Nos mande seu comentário, é simples e rápido.

Compartilhe essa Notícia:
Cassiel Isla - Agência Gênia
Cassiel IslaRedator

Receba em primeira mão

Cadastre-se e receba as novidades em seu e-mail.

OUTRAS POSTAGENS

Anterior

As prioridades dos consumidores…

Proximo

Entenda por que sua empresa precisa do…